Notícias

19/01 15h32

Ministro veta entrada de Slater na Austrália sem vacina: “Sabe as regras”

Kelly Slater, no México, em agosto de 2021 — Foto: Getty Images
Kelly Slater, no México, em agosto de 2021 — Foto: Getty Images


Depois da ´´novela´´ envolvendo o tenista Novak Djokovic, o Ministro do Esportes da Austrália alertou o surfista Kelly Slater: “não há chance de entrar no país” para competir no Circuito Mundial caso o hendecampeão não tome a vacina contra a Covid-19.

O país receberá o tour em abril com as etapas de Bells Beach e Margaret River. A WSL já havia sinalizado que, apesar dela mesma não exigir a imunização, os atletas poderiam enfrentar barreiras significativas para competir caso optassem por não se vacinar.

A única chance de Slater conseguir um visto australiano sem se vacinar seria aplicando a uma exceção médica, mas de fato comprovando que tem uma contraindicação para não tomar o imunizante.

– Acho que ele sabe as regras. Não importa se você é um surfista, um jogador de tênis, um turista ou qualquer outra pessoa, estas são as regras. Elas são aplicáveis a todos – disse Richard Colbeck, em entrevista ao site “The Age”.

Slater apoiou Djokovic após o tenista sérvio ter o visto cancelado e ser deportado da Austrália por não ter se vacinado contra a Covid-19. Em suas redes sociais, publicou:

– Talvez a ‘Síndrome de Estocolmo’ agora possa mudar seu nome para ‘Síndrome de Melbourne’**. É triste ver esta celebrada divisão pelos “virtuosos” vacinados. Se você está vacinado por que está preocupado sobre os status dos outros… a não ser, claro, que não te proteja? Ou você está com medo de pegar ou chateado porque teve que assumir o risco da vacinação você mesmo? Tanta lavagem cerebral e ódio no coração das pessoas independentemente do status de vacinação.

Postagem de Kelly Slater em apoio a Novak Djokovic — Foto: Reprodução / Instagram

Slater fez várias declarações polêmicas desde o início da pandemia. Chegou a dizer que a Covid era uma doença de “idosos e obesos” e que entendia mais sobre “ser saudável do que 99% dos médicos”.

Além das etapas da perna australiana, Slater também deve ser impedido de competir na abertura da temporada, no Havaí, pelo mesmo motivo. O Circuito começa no dia 29 de janeiro em Pipeline.

**Síndrome de Estocolmo é um transtorno psicológico em que uma vítima de sequestro ou abuso tem empatia pelo criminoso.

Fonte: Globo Esporte

Por marcelo
Compartilhar

Veja também

Krystian Kymerson é vice campeão no Circuito Banco do Brasil de Surfe na Bahia e top 5 no Ranking da WSL LATIN AMERICA

Terceira e última etapa será em Ubatuba (SP) nos dia…

continue lendo

Caitlin Simmers (EUA) e Callum Robson (AUS) vencem o Boost Mobile Gold Coast Pro Apres. Por Rip Curl

Atletas brasileiros não conseguem chegar nas oitavas de final

continue lendo

Quatro brasileiros avançam para a terceira fase do Boost Mobile Gold Coast Pro na Austrália

Enquanto 8 brasileiros ficam pelo caminho!

continue lendo

Fotos: Regência CLÁSSICA no outono Capixaba!

continue lendo

Comentários:

Instagram