Notícias

17/09 13h59

Capixaba vítima de ataque de tubarão nos EUA, é homenageado na praia do incidente.

O capixaba Arthur Medici, de Vilha Velha, 26 anos, praticava body board quando foi a vítima do primeiro ataque fatal de tubarão em 80 anos em Massachusetts. Ele morava nos EUA há quatro anos, onde estudava engenharia e trabalhava como entregador de pizza.

Depois da tragédia, ocorrida no sábado, os nadadores e surfistas foram impedidos de entrar no mar na praia Newcomb Hollow e outras praias próximas.

Na entrada de Newcomb Hollow, junto da placa que alertava para a proibição de entrar no mar, foram depositadas flores em homenagem ao brasileiro. Pessoas também jogaram flores no mar e fizeram um momento de silêncio em memória a Arthur.

A homenagem foi organizada por um grupo de praticantes de surf locais, segundo a afiliada da NBC em Boston.

Ainda não se sabe a espécie de tubarão que atacou o jovem. Na tarde de domingo, funcionários patrulhavam a área em um avião e localizarão um tubarão em uma praia próxima.

Arthur Medici foi atendido no local por frequentadores da praia e socorristas, e levada para o Hospital Cape Cod, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo seu padrasto, Márcio Araújo Passos, o jovem era atleta, surfava desde novo e sempre frequentava a praia Newcomb Hollow para surfar.

Ao G1, o consulado do Brasil em Boston, nos Estados Unidos, disse que está ciente do caso e está em contato com a família da vítima.

A família organizou uma vaquinha online para ajudar nos custos do traslado do corpo a Vila Velha, no Espírito Santo. Às 8h30 desta segunda-feira (17), já ultrapassava 25 mil dólares.

A previsão é que o corpo de Arthur seja liberado na sexta-feira (21) para vir ao Brasil. Ainda não há informações sobre velório e enterro.

Fonte: G1

NOTA:

”Em nome dos colaboradores do Surfvix, amigos e seguidores, à família do Arthur Medici, os nossos mais sinceros pêsames pela irreparável perda de um ente tão querido. Infelizmente, nem tudo está em nossas mãos. Um momento como este traz muito sofrimento, mas precisamos nos lembrar que não podemos controlar tudo na vida. Lembrem-se dos bons momentos, dos dias felizes, mantenham o coração aquecido. Confiem em Deus.”

Por Administrador
Compartilhar

Veja também

Medina está fora da primeira etapa do Mundial de Surf no Hawaii

Após rompimento com a família em 2021, tricampeão mundial anuncia…

continue lendo

Baterias armadas para iniciar a temporada 2022 no Billabong Pro Pipeline

continue lendo

Ministro veta entrada de Slater na Austrália sem vacina: “Sabe as regras”

continue lendo

51 ICE é nova patrocinadora da WSL no Brasil

Com posicionamentos relacionados ao surfe, 51 ICE estará no Oi…

continue lendo

Comentários:

Instagram