Notícias

05/07 23h26

CBSurf Pro Tour Cupe Ipojuca Começa nesta sexta

Release escrito pela CBS

De sexta-feira até domingo, outra praia ipojucana, a do Cupe, sedia no point do “Borete” à abertura do inédito novo circuito da entidade: o CBSurf Pro Tour que, sendo prova inaugural do III Rotado Mar Surf and Music, distribuirá nas ondas da Praia do Cupe pontos no ranking CBSurf Pro e iguais 40 mil reais tanto no masculino quanto no feminino, ambas sem qualquer limite de idade, com dois mirins, o atual vice-líder Sub 16 Brasileiro Matheus Sena (RN) e Tainá Hinckel (SC,) a líder entre as Sub 16 nacionais, disputando um evento em que várias gerações estão representadas.

Em especial uma dupla integrante da seleção que conquistou, no ano 2000, o único título brasileiro por países e justamente em Ipojuca : Fábio Silva e Tita Tavares, detentores de títulos mundiais Open da International Surfing Association (ISA), entidade mundial do esporte junto ao Comitê Olímpico Internacional.

E a participação da veterana dupla, tem um simbolismo especial, afinal o Ceará é o único estado brasileiro com um casal na primeira divisão mundial, um deles o estreante Michael Rodrigues, e a outra a experiente Silvana Lima, contra quem Tita Tavares competiu fortemente, o que não acontecerá desta vez porque Silvana disputa na mesma Jefreys Bay na qual o paulista Felipe Toledo venceu etapa da elite mundial nesta quinta-feira em que também é seu novo líder.

Nas ondas do Cupe, Tita chega trazendo uma conterrânea que recém passou pela base nacional: Letícia Cavalcanti, enquanto que Fábio Silva é referência para a grande maioria, especialmente pelo pioneirismo em manobras inovadoras, mas também por conquistas outras em Pernambuco, pois além do segundo- e último- título mundial Open de um brasileiro nos Jogos ISA, Silva venceu nas décadas de 1990 e 2000 etapa de WQS (acesso mundial) tanto em Ipojuca quanto em Fernando de Noronha, único com esse feito.

O Ceará chega também com o seu atual campeão Arthur Silva, Glauciano Rodrigues e Itim Silva.

CONTINGENTE CAPIXABA

Entre os capixabas presentes teremos Lyssandro Leandro, campeão capixaba de 2017, além de atletas com resultados internacionais a exemplo de Rafael Teixeira e Kristyan Kymerson, que inclusive tem título da CBSurf da época de Sub 18.

Baterias com os capixabas amanã:

Da Paraíba, o “índio voador” Elivelton Santos, tem o título invicto 2017da disputa Pro-Am em seu estado, os outros dois são Samuel Igo, também indígena de Baía da Traição e José Francisco Fininho, de Cabedelo, enquanto a baiense Diana Cristina, campeã do último circuito profissional feminino (2011) antes do CBSurf Pro Tour e a atual bicampeã brasileira universitária Rayssa Fernandes são os nomes paraibanos na Feminino.

São Paulo tem o maior contingente, e a família Dantas tem três nomes nela: o trio de irmãos Suellen, Weslley e Wigolly Dantas, este que verá sua mulher, Natallie Plachii, representar Santa Catarina, a exemplo de Luan Wood, o vencedor em 2014 do mesmo Mundial Júnior conquistado em 2016 pelo caçula dos Dantas, Weslley.

Por Administrador
Compartilhar

Veja também

As finais do Mundial de Surf batem recorde de audiência na história da World Surf League

continue lendo

Mais um dia épico em Regência, 15/09/2021

continue lendo

Medina pensa em pausar as competições em 2022, entenda

continue lendo

Meninas surfam em Regência clássica!

continue lendo

Comentários:

Instagram