Notícias

19/06 21h54

2ª etapa da Tríplice Coroa Quebra Onda: mais um show de surf em terras capixabas

Agora o festival acontece na praia do Pontal do Ipiranga, em Linhares. O evento é homologado e vale pontos para o Circuito Brasileiro e Capixaba de surf profissional

Foi dada a largada para a 2ª etapa do circuito dos sonhos: a Tríplice Coroa Quebra Onda de Surf. De 19 a 22 de julho, Pontal do Ipiranga vai receber os principais surfistas do Brasil que irão disputar 04 categorias e a premiação de 30mil reais em dinheiro.

Depois do sucesso da primeira etapa na vila de Povoação, com altas ondas e um grande encontro de gerações do esporte, chegou a vez de Pontal representar o north shore capixaba. Como em Povoação, uma grande estrutura será montada no balneário, e o evento terá durante os 04 dias, a transmissão ao vivo, através do youtube. Toda a tecnologia, ficará a cargo da Surfcore e Navi Brasil.

Entre os surfistas, na categoria profissional, Kristyan Kymerson e Rafael Teixeira duelam pela liderança do circuito brasileiro, seguidos de perto por Lysandro Leandro. Entre eles, vários atletas que competem no circuito brasileiro e internacional estarão presentes na disputa pelo grande prêmio e uma melhor colocação no ranking brasileiro. As categorias Open, Master e Regional, duelam pela premiação da etapa e do vencedor do circuito, com uma trip para cada rumo à Costa Rica.

 Tríplice Coroa Quebra Onda de Surf

A Tríplice Coroa teve sua primeira etapa na praia de Povoação (24 a 27 de maio) e agora será no Pontal do Ipiranga (19 a 22 de julho). A terceira e última etapa será em Regência (outubro) e, certamente, será um marco na história do surf capixaba. O circuito é organizado pela ASL – Associação de Surf de Linhares em conjunto com a Prefeitura Municipal através da Secretaria de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer.

Os eventos têm nível 4A homologados pela Abrasp (Associação Brasileira de Surf Profissional) e Fesurf (Federação Capixaba de Surf|) com 3.000 pontos no ranking e premiação de 30.000 reais em dinheiro por etapa. A Tríplice Coroa é dividida entre as categorias Profissional, Open, Master e Regional. A novidade nesta etapa, é a Expression Session, valendo uma prancha Eric Arakawa “zero”.

Como em Povoação, a etapa de Pontal também será em formato Festival, com show de surf na praia e apresentações musicais na praça. Uma estrutura será montada na praça de eventos com cobertura e tendas, onde serão oferecidos o artesanato, comidas e bebidas típicas da região. As atrações da sexta (20) serão: Jonathan Coimbra e RASTACLONE. No sábado (21) Chubby’s Blues Band, Granulatus, Preto Pires e banda.

 

Pontal do Ipiranga

A praia do Pontal do Ipiranga fica a 50 Km da sede do município de Linhares, é urbanizada e tem acesso 100% por asfalto. De água morna, boas direitas quebram no beach break, principalmente no inverno e com ondulação de sul. Sua natureza é um espetáculo, com a área preservada da restinga, uma das mais protegidas de todo o Espírito Santo e que é ponto de desova e reprodução de tartarugas. Lá, também, é possível encontrar uma quantidade imensa de aves, insetos e répteis típicos da Mata Atlântica. Para as famílias e crianças, o “riozinho” é uma das principais atrações, região onde o Rio Ipiranga deságua no mar. Próximo ao Pontal, também, podemos contemplar as praias de Barra Seca e Urussuquara.

Descrição do evento

TRÍPLICE COROA QUEBRA ONDA DE SURF – 2ª etapa.

Local: Pontal do Ipiranga (19 a 22 de julho)

Categorias

PROFISSIONAL 96 vagas / OPEN 32 / MASTER 32 / REGIONAL 32

Premiação por Etapa:

Profissional – R$30.000,00 em dinheiro.

Open – 01 Prancha Erick Arakawa + Kit Quebra Onda + Acessórios 30pés

Master – 01 Prancha Erick Arakawa + Kit Quebra Onda + Acessórios 30pés

Regional – 01 Prancha Erick Arakawa + Kit Quebra Onda + Acessórios 30pés

Premiação do Circuito

Open – 01 trip COSTA RICA (Voo + Hospedagem) 7dias

Master – 01 trip COSTA RICA (Voo + Hospedagem) 7 dias

Regional – 01 trip COSTA RICA (Voo + Hospedagem) 7 dias

Inscrições:

Profissional R$230,00 / Open R$100,00 / Master R$100,00 / Regional R$50,00.

Obs: atletas não federados/associados precisam pagar taxa de filiação: R$200,00 ABRASP (Pro) / R$60,00 FESURF (Open/Master) / R$20,00 ASL (Regional).

Depósito:

Associação de Surf de Linhares – CNPJ 11750952/0001-49

Banco Sicoob 756 / Ag 3007 / cc 81180-7

 

Enviar dados e comprovante por e-mail:

asl.surflinhares@gmail.com / WhatsApp 27 99630 9095.

Por Administrador
Compartilhar

Veja também

As finais do Mundial de Surf batem recorde de audiência na história da World Surf League

continue lendo

Mais um dia épico em Regência, 15/09/2021

continue lendo

Medina pensa em pausar as competições em 2022, entenda

continue lendo

Meninas surfam em Regência clássica!

continue lendo

Comentários:

Instagram