Notícias

09/03 14h41

Entrevista com Gabriel Medina sobre o que esperar para 2018

Medina já está na Austrália e participou da primeira coletiva de imprensa do ano.  Ele concedeu ainda uma entrevista exclusiva, logo após o evento de abertura, comentando suas expectativas, preparativos e muito mais, confira abaixo como está a cabeça do nosso eterno campeão:

 

O prazo do Quiksilver Pro Gold Coast e do Roxy Pro Gold Coast começa neste domingo e tem até o dia 22 para definir os primeiros campeões da temporada nas ondas de Snapper Rocks. Os vencedores do primeiro desafio do ano, largam na frente na corrida pelos títulos mundiais no World Surf League Championship Tour 2018.

Neste ano, o Brasil tem a maioria de concorrentes na elite dos top-34, com onze surfistas competindo em cada uma das onze etapas que serão disputadas nas melhores ondas do mundo, além de Silvana Lima na categoria feminina. Seis deles já estavam no CT em 2017, os campeões mundiais Gabriel Medina e Adriano de Souza, Filipe Toledo, Caio Ibelli, Italo Ferreira e Ian Gouveia.

Os outros cinco se classificaram pelo QS para compensar os três que saíram da divisão principal da World Surf League no ano passado e vão estrear na elite dos melhores surfistas do mundo. As novidades no time brasileiro de 2018 são o paulista Jessé Mendes, os catarinenses Tomas Hermes, Yago Dora, Willian Cardoso e o cearense Michael Rodrigues.

 

QUIKSILVER PRO GOLD COAST – Vitória=Terceira Fase / 2.o e 3.o=Segunda Fase:

1.a: Owen Wright (AUS), Caio Ibelli (BRA), Ezekiel Lau (HAV)

2.a: Matt Wilkinson (AUS), Michel Bourez (TAH), Michael Rodrigues (BRA)

3.a: Jordy Smith (AFR), Conner Coffin (EUA), Patrick Gudauskas (EUA)

4.a: Julian Wilson (AUS), Joan Duru (FRA), Ian Gouveia (BRA)

5.a: Gabriel Medina (BRA)Italo Ferreira (BRA), convidado

6.a: John John Florence (HAV), Griffin Colapinto (EUA), convidado

7.a: Kolohe Andino (EUA), Kanoa Igarashi (EUA), Keanu Asing (HAV)

8.a: Adriano de Souza (BRA), Adrian Buchan (AUS), Willian Cardoso (BRA)

9.a: Joel Parkinson (AUS), Jeremy Flores (FRA), Yago Dora (BRA)

10.a: Filipe Toledo (BRA), Frederico Morais (PRT), Tomas Hermes (BRA)

11.a: Sebastian Zietz (HAV), Connor O´Leary (AUS), Wade Carmichael (AUS)

12.a: Mick Fanning (AUS), Kelly Slater (EUA), Jessé Mendes (BRA)

Por Administrador
Compartilhar

Veja também

As finais do Mundial de Surf batem recorde de audiência na história da World Surf League

continue lendo

Mais um dia épico em Regência, 15/09/2021

continue lendo

Medina pensa em pausar as competições em 2022, entenda

continue lendo

Meninas surfam em Regência clássica!

continue lendo

Comentários:

Instagram