Notícias

22/05 21h42

Top 7 do ranking de acesso, Rafael Teixeira mira o topo no Japão

Em ótima fase, surfista capixaba assina novos contratos e mantém foco na elite do surfe mundial

rafael2
Bons resultados nas primeiras competições do ano, contratos assinados com novos patrocinadores, treinamento reforçado e foco na divisão de elite. O primeiro semestre vem reservando boas surpresas para o capixaba Rafael Teixeira, atual sétimo colocado no ranking de acesso ao circuito mundial, que já está no Japão para a etapa de seis mil pontos da WSL que começa neste fim de semana.

Até o momento, cinco competições (três da perna australiana, um na Martinica e, por último, Barbados) colocaram o capixaba como terceiro melhor brasileiro na corrida pela vaga para o World Championship Tour, atrás somente dos paulistas Jessé Mendes e Yago Dora.

E os resultados atraíram os empresários. Na última semana, Rafael assinou com a Superbrand, fábrica californiana de pranchas (representada no Brasil pelo shaper Joca Secco) que patrocina atletas como Clay Marzo, Ry Craike, Brett Barley e Dion Agius, e agora faz parte do time internacional da marca.

rafael

Não bastasse a boa notícia, de quebra entrou para a equipe da empresa brasileira de acessórios de surfe Silverbay, que também possui um time de peso, como Marco Giorgi, Yuri Gonçalves, Jean da Silva, Lucas Vicenti, entre outros.

Com o quiver renovado, o capixaba mantém o foco e treina nas ondas japonesas. “Sem dúvida fechar com essas duas empresas dá um ânimo extra. Estou bem focado e quero permanecer no top 10! O ano é longo e tem muito chão pela frente, mas é a cada degrau que vamos construindo esse caminho até o objetivo principal”, avalia.

Após o Japão, o destino são as duas etapas africanas. “Durban e Ballito são competições fundamentais para quem quer conquistar uma vaga na elite do surfe mundial. Muitos pontos! Mas vamos pensar num evento de cada vez. Agora é hora de concentrar minha energia aqui no Japão”, explica Rafael.
Por Administrador
Compartilhar

Veja também

Baterias armadas para iniciar a temporada 2022 no Billabong Pro Pipeline

continue lendo

Ministro veta entrada de Slater na Austrália sem vacina: “Sabe as regras”

continue lendo

51 ICE é nova patrocinadora da WSL no Brasil

Com posicionamentos relacionados ao surfe, 51 ICE estará no Oi…

continue lendo

WSL terá recorde de marcas em 2022

Escritório da América Latina confirmou participação de 11 empresas na…

continue lendo

Comentários:

Instagram