Notícias

01/02 11h19

RAFAEL ABRE 2017 COM O PÉ DIREITO E QUER VAGA NA ELITE

O ano de 2017 começou bem para o surfista profissional Rafael Teixeira. Antes de embarcar para as primeiras competições da perna australiana do Circuito Mundial de Acesso (WQS), nesta última sexta-feira (27), o capixaba assinou contrato com a empresa C&D MKT Sports, que promete dar o suporte necessário para que Rafael concentre-se exclusivamente no treinamento para essa temporada e continue buscando vaga entre os melhores atletas do mundo.
DSCN8132 DSCN8156

“Os dois últimos anos foram de muito aprendizado para mim. Ganhei duas etapas do WQS, uma na Califórnia e outra no México. Mas em meio a essas competições vinham as preocupações em buscar patrocinadores e apoiadores para bancar o custo de viajar para o mundial, que é bem alto. Com essa parceria, meu foco é total dentro d’água”, explica o atleta, que já está treinando na Austrália e disputa a primeira competição a partir de quarta-feira (1).
Empenhados na parceria e dispostos a ajudar Rafael se tornar o primeiro capixaba a fazer parte do seleto grupo da divisão principal do surfe, que conta com nomes consagrados como o norte-americano Kelly Slater e o australiano Mick Fanning, os empresários Lauber Cardoso e Raphael D’Angelo disponibilizaram uma equipe completa para atender o surfista.
DSCN8134
“Além de fisioterapeuta, psicólogo, preparador físico, nutricionista, assessor de imprensa e advogado, vamos assumir a área de captação de recursos para trazer o dinheiro suficiente para que Rafael faça bonito nas competições pelo mundo e consiga levar a bandeira do Espírito Santo até o topo”, comenta Lauber, confiante no desempenho de Rafael.

IMG_6863

Jornada de viagens
Ao longo do ano, várias competições do Circuito Mundial de Acesso (WQS) distribuem pontos para surfistas de todo o mundo buscarem qualificação para a primeira divisão. Somente os mais bem colocados garantem vaga, e o capixaba Rafael Teixeira começa essa jornada a partir da próxima quarta-feira (1), na Austrália.
São quatro competições seguidas na Austrália até o início de março, quando o atleta embarca para o Caribe para a próxima disputa. E o calendário desse ano não para por aí. O surfista ainda desembarca no Japão, África do Sul, México, Estados Unidos, Costa Rica, Espanha, Portugal, Marrocos e Havaí.

58abe854beefb0c8d2c2269128baa3d4
Nomes como Gabriel Medina, Filipe Toledo, Jadson André e outros seis brasileiros fazem parte do time verde e amarelo na elite mundial.
Por Administrador
Compartilhar

Veja também

Baterias armadas para iniciar a temporada 2022 no Billabong Pro Pipeline

continue lendo

Ministro veta entrada de Slater na Austrália sem vacina: “Sabe as regras”

continue lendo

51 ICE é nova patrocinadora da WSL no Brasil

Com posicionamentos relacionados ao surfe, 51 ICE estará no Oi…

continue lendo

WSL terá recorde de marcas em 2022

Escritório da América Latina confirmou participação de 11 empresas na…

continue lendo

Comentários:

Instagram