Notícias

25/01 21h11

Campeão Estadual de Surf Profissional (ES) 2015

Conheçam um pouco sobre o Rodrigo Cardoso, nosso grande atleta!

IMG-20150803-WA0089

No final do ano de 2015, Rodrigo Cardoso, 21 anos, sagrou-se Campeão Estadual de Surf Profissional. Um título que já está marcado na história do surf profissional capixaba.

Mas como tudo na vida, nada veio fácil para o atual campeão. Batemos um papo com ele, que além de surfista profissional, trabalha como Guarda Vidas, ou seja, um cara 100% do mar e que arrisca sua vida nessa profissão incrível.
Confira abaixo na íntegra toda a entrevista:

  • Surfa há quanto tempo e como tudo começou?

RC: Tenho 14 anos de surf.  
E tudo começou com meu pai, que também é surfista. Foi o meu grande mentor sem dúvidas. Morávamos em Vitória e íamos para nossa casa de praia (que hoje, é onde residimos) em Jacaraípe. Sempre gostei de praticar esportes e ficar na praia com meus irmãos. Meu irmão mais velho tinha uma prancha e meu pai nos ensinava a surfar nela. Até que um dia eu ganhei a minha e tudo começou assim, rs.

  • Com que idade começou nas competições?

RC: Aos 9 anos competi o meu primeiro campeonato, mas aos 11 comecei a correr todo o circuito.

  • Quais os points capixabas que você mais gosta de treinar?

RC: Regência, Baixas de Manguinhos, Xangão e D2

IMG-20160113-WA0010

  • Quanto títulos você já conquistou?

RC:   Campeão Estadual Capixaba profissional (2015)
         3x Campeão Estadual Capixaba amador (2006, 2008 e 2011)
         Vice – Campeão King of the Groms (2010)
         3º coloado no ranking Brasileiro Amador por equipe (2009)

IMG-20151129-WA0045
Campeão Estadual de Surf Profissional 2015

  • Como foi 2015 para você?

RC: Foi o melhor ano em competições dentro do Estado pra mim. Consegui o meu primeiro título como profissional, e das 5 etapas que aconteceram, venci 3 ( 2 em Jacaraípe e uma em Regência). Considero a melhor de todas em Regência, foi um campeonato histórico, com altas ondas, e os atletas estavam surfando muito. Tinha uma galera na areia torcendo por mim e queria muito vencer aquele campeonato. Consegui virar a bateria em cima do Krystian, este que é um atleta muito duro, nos minutos finais, foi emocionante. O mar estava muito cansativo, eu estava exausto, mas valeu apena todo esforço… Foi um momento marcante pra mim.

  •  O que você falaria para a garotada que está começando e sonha em ser campeão?

RC: Treinar bastante (dentro e fora d’água), acreditar em si mesmo, manter o foco, ter fé e dar muita raça… Nunca desistir da bateria, pois só acaba depois que a sirene toca.

IMG-20150803-WA0098

  • Sobre o Surf Competição Capixaba, você acha tem algo que precise melhorar?

RC: Talvez mais investidores, mais competições, isso incentivaria os atletas… É uma pergunta difícil.  Acredito que as coisas irão melhorar.. Afinal, o Brasil agora é o país do Surf.

  • Quais são as empresas que te apoiam e patrocinam?

RC: Ws Naturais, Açai Manguinhos, Lojas Cabana, Praia, Help Jeans e pranchas Renato Larica.

  • E para finalizar que recado você deixa pra galera do SURFVIX?

RC: Mandar uma vibe pra galera do SurfVix, um ano de conquistas, realizações e muita onda. ALOHA!!!!

IMG-20150608-WA0067
Foto: Sander Calmon

Por Administrador
Compartilhar

Veja também

As finais do Mundial de Surf batem recorde de audiência na história da World Surf League

continue lendo

Mais um dia épico em Regência, 15/09/2021

continue lendo

Medina pensa em pausar as competições em 2022, entenda

continue lendo

Meninas surfam em Regência clássica!

continue lendo

Comentários:

Instagram