Notícias

20/01 16h02

Mais um título inédito para o Brasil

Pedro Calado surfa a onda que seria a maior onda surfada na remada de todos os tempos

Foto: Bruno Lemos

O atleta Pedro Calado chamou a atenção do mundo mais uma vez ao dropar uma esquerda gigante no swell da última sexta-feira em Jaws. O carioca já havia chamado a atenção de todos ao remar numa craca no dia 3 de maio de 2015, no pico de Zicatela, no México, e levado uma vaca cabulosa.

Mas agora o feito foi um belo drop numa montanha d’água naquela que está sendo considerada a sessão de surf na remada nas maiores ondas de todos os tempos, o que gerou comentários de nomes como Shane Dorian (que escreveu em suas mídias sociais que as maiores ondas estavam escondidas e que o Calado conseguiu achar uma bizarra) e da WSL (que postou que quem ainda não tinha ouvido falar sobre o Calado deveria procurar saber sobre ele, pois um surfista de apenas 19 anos conseguir esses dois feitos – México e Jaws –  no mesmo ano é algo que nunca aconteceu).

Ele já estava concorrendo a um prêmio no Big Wave Awards da WSL, com a onda do México, mas nesta noite de segunda-feira, após a entrevista, ele teve a esquerda de Jaws também inscrita no oscar das ondas grandes.

Confira a BOMBA:

 

Fonte: Rico

Por Administrador
Compartilhar

Veja também

Baterias armadas para iniciar a temporada 2022 no Billabong Pro Pipeline

continue lendo

Ministro veta entrada de Slater na Austrália sem vacina: “Sabe as regras”

continue lendo

51 ICE é nova patrocinadora da WSL no Brasil

Com posicionamentos relacionados ao surfe, 51 ICE estará no Oi…

continue lendo

WSL terá recorde de marcas em 2022

Escritório da América Latina confirmou participação de 11 empresas na…

continue lendo

Comentários:

Instagram